segunda-feira, 9 de outubro de 2017

"Desenho livre"




O Leo já começou a desenhar. E vocês?

(Obrigado ao Leo e à Mariana por nos terem enviado estes desenhos mesmo lindos e livres!)


"Mary John" selecionada para o catálogo White Ravens 2017!





A nossa "Mary John" foi selecionada para o catálogo White Ravens 2017! E vejam bem o que o comité de leitura diz sobre este livro e sobre a escrita de Ana Pessoa:

In contemporary Portuguese young adult literature, the novels of Ana Pessoa (b. 1982) take up an exceptional place. The author is masterfully adept at describing the cosmos of maturing teens, with its challenges and dramas, turbulences, moments of happiness, disappointments, and catastrophes.

E continua, assim:

She writes in an authentic language that captures the protagonists’ sense of life and closely orients itself to their pulse. In an astonishing way, her newest book does all this and more. “Mary John” sets itself apart from the author’s previous novels by its even more coherent storytelling, its undisguised, intense language, and the deep insight it offers into the emotional world of the protagonist and first-person narrator. Maria João, called Mary John, writes a single, long letter to Júlio “Pirata”, her first, unrequited love. She openly writes of friendship, longing, desire, and sexuality and the painful process of dealing with feelings such as rejection and loneliness.


segunda-feira, 2 de outubro de 2017

Já chegou o "Desenho livre"!



Já chegou o "Desenho Livre"!

"Desenho Livre" parece mesmo um livro para colorir (e ninguém diz que não é...) mas aqui o desenho é livre e não é obrigatório desatar logo a pintar.

O que o leitor não pode perder é este passeio pelo mundo do desenho e da cor, das plantas e dos pigmentos, dos pontos e das linhas, da luz e da sombra.

Com os seus pensamentos desenhados e os seus movimentos que riscam, o menino-lápis já nos espera!

PS: recomenda-se aos leitores que tenham à mão canetas, lápis ou pincéis. É provável que, ao longo deste passeio, cresça a vontade de pintar e desenhar.

Já disponível na nossa loja online → https://www.planetatangerina.com/pt/loja/livros/desenho-livre


domingo, 1 de outubro de 2017

Desenho livre

Com as velocidades estonteantes que o mundo está a atingir, quase apetece dizer que o desenho deveria ser uma paragem obrigatória!

Já falta pouco para chegar o "Desenho livre"!
Animação by Andrés Sandoval.

sábado, 30 de setembro de 2017

Desenho livre

Pode um livro fazer-nos mergulhar no incrível mundo das cores?
(E se esse livro for todo a preto e branco?)



Estudos para "Desenho Livre" by Andrés Sandoval.
A publicar brevemente pelo Planeta Tangerina.

sexta-feira, 29 de setembro de 2017

Desenho livre

Desenhamos com as mãos, com os olhos ou com a cabeça?



Estudos para "Desenho Livre" by Andrés Sandoval.
A publicar brevemente pelo Planeta Tangerina.

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Desenho livre

Pode uma linha levar-nos a passear? Até onde?


Estudo para "Desenho livre", a publicar brevemente pelo Planeta Tangerina.

quarta-feira, 27 de setembro de 2017

Desenho livre

O próximo livro do Planeta Tangerina vai ser sobre "desenho", sobre a experiência de desenhar.
Mas, o que é desenhar? De onde vem esta vontade?
Que lugar ocupa o desenho nas nossas vidas?



Estudos para "Desenho Livre".

segunda-feira, 25 de setembro de 2017

Almanaque "Um ano inteiro" já disponível na nossa loja online







Uma das coisas que dão mais gozo nas artes da edição é a possibilidade de podermos corrigir, em edições posteriores, o que achamos que não saiu tão bem na primeira fornada de um livro.

Este almanaque (que é uma agenda, um livro e também uma espécie de calendário) estava a pedir uma reformulação!

Nesta nova edição revimos o texto de uma ponta à outra, criámos novas imagens, mudámos a capa e arrumámos tudo numa nova linha gráfica, que vem tornar a consulta mais fácil e simpática. Também houve alterações no tipo de acabamento: a capa dura passou a cartonada com lindos cantos redondos, retirando-lhe pompa, mas conferindo-lhe leveza e portabilidade.

Esta possibilidade de falhar e voltar a falhar (para falhar cada vez melhor, como dizia S. Beckett) também faz parte da liberdade que sentimos como editores. Viva ela!

O almanaque "Um ano inteiro" já está disponível na nossa loja, espreitem:
https://www.planetatangerina.com/…/um-ano-inteiro-almanaque…


Recém-chegados

Recém-chegados à casa-mãe:
"Le monde en une seconde" (Glénat, França)
"Naar Buiten" (Fontaine Uitgevers, Holanda)



“Daqui ninguém passa” ganha o Prémio para a Paz Gustav Heinemann




Es ist fantastisch!!!
A edição alemã do “Daqui ninguém passa” ganhou o Prémio para a Paz Gustav Heinemann, um dos mais importantes prémios alemães para livros infantis!

Este prémio anual é atribuído a livros que encorajem as crianças e os jovens a lutar pela coragem moral e pela tolerância, pelos direitos humanos e por formas não-violentas de resolução de conflitos.
O prémio será entregue no dia 5 Outubro, numa cerimónia que decorrerá na cidade de Aachen, na Alemanha.

Esta edição também está nomeada para o 2017 Deutscher Jugendliteraturpreis (Prémios de Literatura Infantil da Alemanha), na categoria "Álbum ilustrado".

Obrigada à Monika, à Franziska e a toda a equipa da editora Klett.

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Um ano inteiro




Qual a melhor época para escutar a brama dos veados?
Quais as melhores semanas e locais para ver aves migradoras?
Será que no outono também há flores no campo?
Em que estação se avista Sírio, a estrela mais brilhante do céu?

Agora que as férias grandes estão a chegar ao fim, não há razão para só voltarmos a olhar para a natureza no próximo verão.
O almanaque “Um Ano Inteiro” dá-nos boas pistas para acompanhar a natureza durante todo o ano.
Com a ajuda de um grupo de biólogos e outros cientistas portugueses, escolhemos, para cada semana do ano, uma proposta ajustada ao calendário natural do nosso país, às nossas espécies e habitats. São passeios, desafios e observações para todas as estações. Porque as férias acabaram, mas a vida não é só televisão, sofá e TPC’s. :-)


Almanaque “Um Ano Inteiro” / Nova edição (revista e melhorada) já a caminho das melhores livrarias.

Textos: Isabel Minhós Martins
Ilustrações: Bernardo P Carvalho
Revisão científica geral: Inês Teixeira do Rosário e Maria Ana Peixe Dias


terça-feira, 12 de setembro de 2017

Um ano inteiro


Abriu a época das amoras, das mãos manchadas, dos dentes escuros e das nódoas nas camisolas que nunca mais saem.

As silvas já estão à nossa espera!


Imagem: Almanaque “Um Ano Inteiro”/ Nova edição disponível já em setembro.

sexta-feira, 8 de setembro de 2017

Um ano inteiro


O verão está lá fora.
(E para bom entendedor o canto de uma cigarra basta.)

As cigarras são subterrâneas durante a maior parte da sua vida e só saem cá para fora já adultas, para namorar.
O canto das cigarras, tão comum nas noites de verão, é produzido por grupos de dezenas de machos e por vezes é tão agudo que as próprias cigarras desativam os tímpanos para se protegerem do som.

Imagem: Almanaque “Um Ano Inteiro”/ Nova edição disponível já em setembro.


terça-feira, 5 de setembro de 2017

Um ano inteiro


Sugestão da semana para quem está a banhos no Algarve:
fazer uma saída noturna para ver os campeões da camuflagem.
Melhores locais: Mata de Monte Gordo e Ilha de Tavira

Imagem: Almanaque “Um Ano Inteiro”/ Nova edição disponível já em setembro.


sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Passatempo Cá dentro


Parabéns à Joana Vieira, Inês Lopes e Inês Francisco, as três vencedoras do passatempo Cá dentro.

Para os que estiveram quase, quase lá, e querem rever as respostas, a chave do passatempo é a seguinte:

1-B, 2-A, 3-A, 4-A, 5-C, 6-A, 7-B, 8-C, 9-B, 10-C


Um ano inteiro



Como encontrar a Estrela Polar na imensidão do céu de agosto?
Partindo da Ursa Maior, basta dar 5 passos e meio e já lá estamos.
Aqui ficam as instruções:

Merak e Dubhe, duas das estrelas mais brilhantes da Ursa Maior, formam uma linha no céu que nos indica a direção da Estrela Polar.
Tendo como referência a distância entre estas duas estrelas, basta reproduzir 5 vezes e meio esta medida (continuando esta linha imaginária)... e já lá estamos.

Imagem: Almanaque “Um Ano Inteiro”/ Nova edição disponível já em setembro.


segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Passatempo Cá Dentro








Cérebro cérebro meu, haverá cérebro mais incrível do que o meu?


Esta semana estamos a oferecer 3 exemplares autografados do livro “Cá dentro, guia para descobrir o cérebro”, de Isabel Minhós Martins, Maria Manuel Pedrosa e Madalena Matoso. Para tentar ganhar um exemplar, basta seguir os passos.


Regras:
Os leitores deverão tentar responder corretamente às perguntas que as autoras deste livro prepararam e enviar as suas respostas para o e-mail: shop@planetatangerina.com (indicando os números das perguntas e letras que correspondem às respostas certas).

Os primeiros 3 leitores que responderem corretamente às 10 perguntas, recebem um exemplar do livro “Cá dentro”.
Os vencedores serão contactados por e-mail e os seus nomes serão anunciados no nosso blogue e facebook, no dia 1/9.


1.
 Os neurónios estão todos dentro da nossa cabeça?

A. Claro que sim, que disparate.

B. Claro que não, temos neurónios em todo o lado e milhões nos intestinos.

C. Não. A maior parte circula no sistema sanguíneo.



2. 
Que tipo de experiências moldam o nosso cérebro?

A. Todas as experiências (boas e más) que vivemos.

B. As experiências relacionadas com a escola e com a nossa família.

C. Todas as experiências que vivemos até aos 11/ 12 anos.


3.
 Para que servem os neurónios-espelho?

A. Para conseguirmos ler e interpretar as ações das outras pessoas.

B. Para termos uma boa auto-imagem (essencial para um cérebro feliz).

C. Para desenvolvermos as capacidades motoras que implicam equilíbrio.



4. 
Duas condições essenciais para um cérebro criativo:

A. Gostar de experimentar e não ter medo de errar.

B. Ter boa memória e não precisar de dormir muito.

C. Não ter dúvidas e seguir o caminho menos arriscado.



5. 
Quando nascemos, o nosso cérebro já contém o número total de neurónios?

A. Não, o número de neurónios aumenta até à idade adulta.

B. Não, o número de neurónios aumenta até aos 3 anos. 

C. Sim, já lá estão todos os milhões que vamos usar a vida inteira. 



6. 
Quais as áreas do cérebro que mais usamos quando estamos a tentar decidir que resposta escolher?

A. Sobretudo as áreas do córtex pré-frontal.

B. Sobretudo a glândula pituitária e o hipotálamo.

C. Sobretudo a amígdala e o córtex auditivo. 



7. 
Quando estamos a aprender, o que acontece entre neurónios?

A. Faíscas, arco-íris, fogo de artifício: festa!

B. Geram-se repetidamente impulsos elétricos e as ligações entre eles ficam mais fortes.

C. Os neurónios armazenam a informação em bolsas eletroquímicas chamadas glias.



8.
 Quando dizemos que o cérebro é plástico, referimo-nos:

A. às incríveis capacidades do cérebro que se traduzem em grandes proezas a nível motor.

B. à capacidade de o cérebro criar obras de arte e imaginar.

C. à capacidade de o cérebro se auto-construir e moldar, em função das experiências que vivemos. 



9. 
O pintor Kandinsky ouvia um som diferente sempre que mudava de cor. Que fenómeno é este?

A. Anestesia, quando ligamos e desligamos os sentidos em função do que nos dá mais jeito.
B. Sinestesia, quando há mais do que um sentido a interpretar uma sensação.

C. Fantasia, quando somos capazes de usar vários sentidos em simultâneo. 



10. 
Quem é que disse “Penso, logo existo”?
A. Picasso
B. Vasco da Gama

C. Descartes

Divirtam-se. 
Não procrastinem. Não tropecem.


sexta-feira, 25 de agosto de 2017

Um ano inteiro


Por dia, um morcego é capaz de comer o seu próprio peso em insetos.
É por isso que dizemos: no verão, tenha um morcego sempre à mão.
Imagem: Almanaque “Um Ano Inteiro”/ Nova edição disponível já em setembro.


domingo, 20 de agosto de 2017

Um ano inteiro


O verão está lá fora.
(Observar uma poça de maré é bom e recomenda-se.)
Eis algumas conchas de animais que podem ser encontradas nas nossas praias:



Imagem: Almanaque “Um Ano Inteiro”/ Nova edição disponível já em setembro.

terça-feira, 15 de agosto de 2017

Um ano inteiro


O verão está lá fora.
(Lagartar é bom e recomenda-se.)

Imagem: Almanaque “Um Ano Inteiro”/ Nova edição disponível já em setembro.


quinta-feira, 29 de junho de 2017

2.ª edição do Prémio Serpa/ Planeta Tangerina




Continua aberta a 2.ª edição do Prémio Serpa/ Planeta Tangerina

Da primeira edição, em 2015, resultou a edição do livro “Mana” de Joana Estrela, editado pelo Planeta Tangerina e já traduzido para francês, espanhol, coreano e chinês. Este ano, quem será o vencedor?

Enviem-nos as vossas propostas até dia 29 de setembro de 2017.

***

Serpa International Prize for Picture books: the 2nd edition is still opened

“Mana” by Joana Estrela, the winner of the first edition, has been published by Planeta Tangerina and already translated to French, Spanish, Korean and Complex Chinese. Who will be the next winner?

Send us your projects! Deadline: 29th September 2017


+ info: http://www.planetatangerina.com/pt/serpa


quinta-feira, 8 de junho de 2017

Projeto "Um dia na praia"



A professora Patrícia França e os meninos do 2.º ano do Centro Cultural e Recreativo das Crianças do Cruzeiro e Rio-Seco (Ajuda, Lisboa) enviaram-nos algumas imagens do projeto que desenvolveram a partir do livro “Um dia na praia” de Bernardo P. Carvalho.
Primeiro construíram uma história, depois foram até à praia recolher objetos encontrados na areia e finalmente incorporaram esses mesmo objetos nas suas telas.

Muito obrigado por terem dado notícias. E a todos desejamos uns belos dias na praia, agora que as férias estão a começar...


Era uma vez um senhor que se chamava Verde. O senhor Verde era alto e verde.

Certo dia, o senhor Verde foi à praia na Costa da Caparica. Na praia estava um belo dia de sol e fazia muito calor. Sozinho na areia, o senhor avistou um objeto que parecia um cilindro. Aproximou-se e transportou-o para a areia e viu que era uma bota. Colocou-a no chapéu-de-sol para secar. 

Na dúvida, o senhor Verde voltou ao mar. Qual é o seu espanto quando descobriu mais objetos. Havia troncos de árvores, embalagens, boias, portas e pneus. Até arranjou uma forma de reciclar: organizou todos os objetos encontrados na areia e começou a explorar novas formas de fazer reciclagem.

O senhor Verde era um verdadeiro engenhocas. Construiu um grande barco com muitos materiais deixados pelas pessoas na praia. Puxou o barco para conhecer o mar. Em alto-mar o senhor Verde aproveitou o sol para se bronzear e quase que passava a ser o senhor Vermelho.

O barco distanciou-se lentamente … 

Para onde irá o senhor Verde?


quarta-feira, 31 de maio de 2017

Feira do Livro de Lisboa

A Feira do Livro de Lx está a chamar (não ouvem?)

O Planeta Tangerina partilha o stand com a editora Bruaá, naquele que vai ser o stand mais bonito de toda a feira.
(Dizemos nós, claro. Se duvidam, vão lá ver :-))

Decorem o número: stand C07
Decorem o sítio: à direita de quem sobe desde o Marquês (mais ou menos a meio)
Em alternativa: não decorem nada e vão andando... hão de encontrar-nos.

Nos próximos dias, temos os seguintes livros como “Livro do Dia”:

Amanhã, quinta feira, dia 1/6: A Bola Amarela, de Daniel Fehr e Bernardo P. Carvalho (20% desconto)
Para comemorar o Dia Mundial da Criança com umas boas gargalhadas, um livro para leitores que não gostam de estar parados.

Sexta, dia 2/6 : Conta-quilómetros, de Madalena Matoso (40% desconto)
Porque as férias já estão a aquecer os motores e a feira do livro, por acaso, também.

Sábado, dia 3/6 : Daqui ninguém passa!, de Isabel Minhós Martins e Bernardo P. Carvalho (40% desconto)
Um livro que não vai em cantigas e apoia todas as revoluções pacíficas pela justiça. Mesmo que um pouco caóticas...

Domingo, dia 4/6 : O mundo ao contrário, de Atak (40% desconto)
Para leitores que gostam de olhar o mundo de outras perspetivas.

Segunda dia 5/6 : O que há, de isabel Minhós Martins e Madalena Matoso (40% desconto)
Diretamente da Coleção Cantos Redondos, o livro jogo que pede ao leitor verdadeiro trabalho de detetive.

Terça dia 6/6 : Siga a seta!, de Isabel Minhós Martins e Andrés Sandoval (40% desconto)
Uma aventura só para corajosos no espaço entre as setas.

O catálogo do Planeta Tangerina estará com 20% de desconto, todos os dias da Feira (exceto as novidades que estarão com 10%).
Os Livros do Dia terão desconto de 40% (exceto as novidades que serão Livro do Dia que estarão, neste caso, com 20%).

terça-feira, 30 de maio de 2017

Cá Dentro


O “Cá Dentro” no suplemento literário Parágrafo (com direito a capa, editorial e dupla página!)


(...) Cá Dentro (...) assume a tarefa aparentemente inalcançável de explorar o cérebro humano, explicando-lhe o funcionamento com rigor e sustentação científica, abordando questões que muitos adultos diriam ser impossível abordar com crianças e deixando entre as páginas um dos maiores tesouros que qualquer livro pode conter: espaço para mais perguntas, para dúvidas e para muitas inquietações.

Texto de Sara Figueiredo Costa, Suplemento literário Parágrafo (Jornal Ponto Final/Macau), 26/5/2017


→ → https://paragrafopontofinal.files.wordpress.com/2017/05/pfl18_e.pdf

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Cá Dentro

As primeiras páginas do Cá Dentro em versão animada pela super talentosa Madalena Matoso. Reparem na classe desta animação. Reparem.






segunda-feira, 22 de maio de 2017

Dobra-letras

Saiu uma nova fornada de 100 exemplares do livro “Dobra-letras” (de Madalena Matoso), uma edição especial numerada, impressa em risografia.
Ainda estão quentinhos, mas desaparecem depressa!

Dobra-letras é um livro-jogo que convida o leitor a fazer combinações de letras para formar palavras.
Vejam aqui como funciona:


quinta-feira, 18 de maio de 2017

Passatempo A Rainha do Norte



A Lenda das Amendoeiras em flor serviu de inspiração a Joana Estrela para criar a personagem principal desta história, uma rainha atormentada pela saudade do seu país natal, a quem a tristeza se cola a pele de tal maneira que só um tratamento especial pode salvar.
Chorar faz bem, sempre ouvimos dizer, por isso, preparámos um passatempo inspirado numa publicação de Joana Estrela chamada “Map for Crying Travelers”, que lista os dez melhores sítios para chorar na cidade do Porto. (Joana Estrela vive no Porto.)

Desafio aos participantes: fazer uma lista dos 5 melhores lugares para chorar
(e recuperar).
Podem ser lugares imaginários, lugares reais das vossas casas ou cidades ou qualquer espaço do mundo que pareça o ideal para verter umas lágrimas (em silêncio ou de forma ruidosa), sozinho ou acompanhado.

Os autores das 3 listagens mais divertidas recebem um exemplar de A Rainha do Norte, autografado pela autora.
As listagens (no máximo com 1000 caracteres incluindo espaços) devem ser enviados até dia 26/5/2017 para shop@planetatangerina.com
Os resultados serão comunicados no nosso facebook e blogue no dia 29/5/2017.

***

The Queen of the North Challenge

The legend of the blossoming almond trees was the inspiration behind Joana Estrela’s characters in this story: a queen missing her homeland and the sadness that falls upon her in such a way that only a special treatment can help.

It’s good for us to cry sometimes, we have always heard, so we prepared a challenge inspired by Joana Estrela’s Map for Crying Travellers (the author lives in Oporto and created this map of the city).

The challenge is to create a list of the 5 best places to cry (and recover).
These can be imaginary places, real places in your houses or cities or in any place in the world that seems great to shed a few tears (quietly or loudly), alone or with other people.

The authors of the 3 funniest lists will receive a signed copy of A Rainha do Norte.
Lists should have a maximum size of 1000 characters including spaces and must be sent by May 26th to shop@planetatangerina.com

The results will be posted on our facebook and blog on May 29th

Cá dentro: neurociências para cérebros grandes e mais pequeninos


O "Cá Dentro" foi apresentado aos estimados leitores durante uma festa de celebração das neurociências que teve lugar a semana passada no auditório da Fundação Champalimaud.



















Foi uma tarde que vai ficar gravada para todo o sempre por todo o nosso córtex (com o carimbo do hipocampo e da amígdala). Porque os dias de lançamento são sempre especiais, é verdade, mas mais especiais se tornam quando se reúnem pessoas que trabalharam juntas e quando a esse momento se juntam muito leitores curiosos.






































(É mesmo incrível a vontade que todos temos em saber mais sobre o cérebro, em saber mais sobre nós.)





Contámos com a presença de cérebros de todos os tamanhos (gigantes, grandes, médios e mais pequeninos).






































E ficámos espantados com a quantidade incrível de sinapses a acontecer a cada segundo!


















 Os neurotransmissores não tiveram descanso: nem cá fora, no átrio, durante os jogos e os laboratórios; nem lá dentro, no auditório, onde decorreu a apresentação do livro e as comunicações dos neurocientistas.










































Temos uma lista enorme de pessoas a quem agradecer: todos os cientistas que estudam o cérebro, todos os revisores deste livro, a equipa da Fundação Champalimaud com quem trabalhámos para preparar esta tarde. E todos os leitores carregados de dopamina (e simpatia) que apareceram para celebrar connosco!





Foi uma bela festa.
Os nossos cérebros já a mereciam! Créditos das imagens: Gil Costa e Paco Romero

quinta-feira, 4 de maio de 2017

À conversa com...



Ana Pessoa vai estar à conversa sobre o livro "Mary John", dia 7 de Maio, na livraria Arquivo. Apareçam!


quarta-feira, 26 de abril de 2017

Novidade: Cá dentro - Guia para descobrir o cérebro



Na Antiguidade julgava-se que o órgão responsável pelos nossos pensamentos e emoções era o coração. Hoje já sabemos que tudo o que somos – pensamentos, emoções, decisões, ideias – acontece dentro do cérebro, em conversa contínua com o resto do corpo.
Mas como nasce um pensamento? Como funciona o cérebro? Como é que o cérebro guarda o que aprende? Como se emociona, cria, inventa e faz de cada um de nós uma pessoa única e irrepetível?

Construído com o apoio de uma equipa de neurocientistas, filósofos e psicólogos, Cá Dentro acompanha a evolução do cérebro desde o primeiro segundo, mostra-nos a incrível realidade construída com a ajuda dos sentidos, explica-nos como aprendemos, decidimos ou agimos e também como nos ligamos às outras pessoas, outros cérebros.

Se todas as experiências da vida contribuem para moldar o nosso cérebro, esperamos que esta leitura contribua para um cérebro (ainda) mais curioso, motivado e feliz.

Para leitores de todas as idades (a partir dos 10 anos).

 http://www.planetatangerina.com/pt/loja/livros/ca-dentro


***


In Ancient times it was believed that the organ responsible for our thoughts and emotions was the heart. Today we know that all we are – thoughts, emotions, decisions, ideas – happens inside the brain, in a continuous conversation with the rest of our body. But how does a thought begin? 
How does the brain work? How does the brain remember what it learned? How does it create, invent? How does it make us a unique, one of a kind, person?

Made with the support of a team of neuroscientists, philosophers and psychologists, Inside tracks the evolution of the brain from the first second on, shows us how the amazing reality is created with the help of our senses, explains how we learn, decide and act, and how we connect to other people, other brains.

Out of all the life’s experiences that contribute to shape our brain, we hope this book helps you to have an (even more) curious, motivated and happy brain.

For readers of all ages (from 10 years on).

→ http://www.planetatangerina.com/en/shop/books/ca-dentro



terça-feira, 25 de abril de 2017